Pacotão Jennie: Park Bom, Anda, Sunmi e outros acts going solo-lo-lo-lo-lo-lo-lo no K-Pop até abril

Terceiro resumão de comeback aqui do blog. Dessa vez, dando pitacos sobre os lançamentos de solistas que rolaram nos últimos meses. Algumas coisas bem legais, outras nem tanto. Não enrolarei tanto na introdução dessa vez, pois tenho vários episódios de “O Aprendiz” para colocar em dia no YouTube.

Será que o PC Siqueira ainda vai durar muito? Geralmente, nesses reality shows com subcelebridades, as mais famosas costumam sair logo no início (vide Scheila Carvalho em uma temporada qualquer da Fazenda sendo eliminada logo no início para a filha sem carisma da Monique Evans, wtf).

R.Tee x Anda – What You Waiting For

Eu torci o nariz quando isso aqui tava pra sair, pois jurava que a Anda jamais superaria o EP hipster incrível que ela soltou com o Primary no ano passado. Ainda mais na YG. Passado o tempo, preciso confessar que, de K-Pop em 2019, provavelmente nadinha conseguiu tocar em meus fones de ouvido mais que “What You Waiting For”. Ótima farofa, viciante ao extremo. O pancadão que vem no refrão é delicioso demais. Bem o tipo de número descontraído ao máximo que era o diferencial do pop sul-coreano anos atrás. Vamos ver se o vício dura até dezembro, pois o cheiro de SOTY está forte.

A propósito, uma pena para ela que, quando o sucesso FINALMENTE estava começando a vir, estourou o escândalo da prostituição com o cara lá do BIGBANG que contratou ela pra gravadora. Coitada da Anda, anos e anos nesse meio e, justo quando tudo parecia que ia dar certo, jogam pra cima dela culpas que não deveriam ser jogadas.


Hwasa – Twit

Essa aqui também está super divertida. É legal ver uma cantora no K-Pop interpretando um tipo de música cujas construções melódicas costumam ser dadas a rappers. Isso de o instrumental ir variando dentro de uma zona limitada, sem estourar em momento nenhum, brincando com as possibilidades num curto espaço, com brincadeirinhas sônicas aqui e ali, me lembrou de cara a ótima “Butterfly”, do San E 100% Feminista com outros manos. Ao ser feito pela Hwasa, as coisas ganham outro nível, pois o vozeirão de fumante dela somado à interpretação hipnótica em vídeo adiciona bonus points certeiros ao pacote final.

A propósito, embora esse tenha sido o debut “oficial” dela sem o Mamamoo, já no ano passado ela nos agraciou com o baladão “Be Calm”, que sempre vale a ouvida. E falando em baladões…


Park Bom – Spring (ft. Dara)

Resultado de imagem para explosão gif

Olha… Estou meio abismado com isso aqui. Não com a música, que é uma baladinha qualquer que só dá vontade de ouvir mesmo por quem tá cantando, mas por a Park Bom, finalmente, ter conseguido voltar ao jogo. E por cima, já que o sucesso foi bem alto. E AINDA LEVOU A DARA NO PACOTE. Porra, CL, toma vergonha nessa cara e pula fora da YG. VOCÊ É RICA, NÃO PRECISA DISSO!!!1

Ahein, falo mais da Park Bom no post solo de “4:44” daqui uns dias, mas PORRA CL…


Sunmi – Noir

Antes de tudo: não consegui comprar a “crítica social foda” do problema com redes sociais que a Sunmi tentou passar aqui não. E isso vindo de um tio velho que excluiu a maioria das contas que tinha tempo atrás, justamente por achar que todos esses ambientes montadões de Instagram, Facebook etc., de fato, eram tóxicos demais e não valiam a pena o uso. No entanto, vindo de uma idol como a Sunmi, que parte do faturamento e divulgação está, justamente, em mídias sociais, não conseguiu me convencer não. Talvez o clipe se leve a sério demais, sei lá. Ficou meio bocó. Com o Twice fazendo na zoeira, desceu melhor.

Com isso tirado da frente, é válido dizer que “Noir” é ainda outra boa música da Sunmi, seguindo esse molde de instrumentais oitentistas intensos que as músicas dela costumam seguir. Mas o clipe, bleh, passo.


Katie – Remember (ft. Ty Dolla $ign)

Não entendi o porquê disso aqui existir. Quis chamar atenção nos EUA? O feature com o Ty Dolla $ign conseguiu deixar a música ainda pior, pois os versos dele ficaram estranhos demais dentro da track, mal costurados. Que bosta. Ainda bem, pra ela, que a gravadora resolveu essa semana tirá-la do porão com músicas novas, caso contrário, teria sido melhor continuar no da YG. No de lá, ao menos, devem pagar mais.


Baek-a-Yerin – Maybe It’s Not Our Fault

Falando em porão, o JYP tirou a Yerin do dele para essa música fofinha de primavera, onde ela nem aparece no MV. Tá legalzinha, mas não dá vontade de ouvir mais que uma vez.


Taeyeon – Four Seasons

Mesmo caso dessa aqui da Taeyeon, que ainda perde parte do apelo com o comeback do Sandy e Junior reciclando sucessos do passado. Pra que ouvir essa “Quatro Estações” nova se eu posso ouvir a dos originais com um plus de o tosco do Silva miando no feature?


Heize – She’s Fine

Mais uma música legal da Heize que vários de vocês não vão escutar, por acharem que ela faz “música para cafeterias”. O que nem faz mais sentido, visto “She’s Fine” ser totalmente voltada para as pistas de dança.


Holland – Nar_C

Instrumental legal. Quando os produtores aprenderem a afinar a voz dele no computador, aí tudo ficará 100%.


DALsooobin – Katchup

Legal a letra, legal o instrumental, mas o vocal da Subin me incomodou um pouquinho nesse single. Parece que foi mal gravado, ou que ela não cantou de maneira afinada, não sei definir direito o motivo. Talvez, com o tempo, esse incômodo passe, pois as outras coisas na música são realmente legais. É esperar para saber.


Bolbbalgan4 – Bom

Como assim, “bom”?


Leebada – Red Rose

drop “invertido” dessa aqui é muito legal. Em vez dela explodir quando achamos que ela deveria, o que rola é justamente o contrário, como se apertassem a marcha ré em questão de instrumental.


Oohyo – Tennis

Mais um bop eletrônico dançante da indie insistente Oohyo. Ainda acho que a dobradinha “Pizza” e “Papercut” é insuperável, mas essa “Tennis” dá pro gasto.


Eyedi – & New

Ainda outra tentativa da Eyedi-cantora-séria-que-participou-de-um-reality-idol-mesmo-se-dizendo-uma-cantora-de-verdade-superior-às-outras, dessa vez, apelando pra nostalgia oitentista que parece estar com certa força na Coreia do Sul atrasadamente (Wonder Girls visionárias mesmo). Curti.

Cabou por hoje. Amanhã tem mais, mas viajando pro Japão. Comentem aí suas favoritas, poxa!

2 comentários em “Pacotão Jennie: Park Bom, Anda, Sunmi e outros acts going solo-lo-lo-lo-lo-lo-lo no K-Pop até abril

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s