Raspa no tacho (13/07): GFriend, Heize, FEMM, MAX e outros trecos

Muitos lançamentos que rendem poucos comentários, juntos para formar volume num post só. Será que a sua favorita foi lembrada? Vamos à raspa no tacho…

[GFriend – Fever]

Gfriend mesclando alguns signos sonoros remetentes à marca do grupo (piano, uns violinos) num dancehall de verão. Levando em conta que elas não soltavam nada legal de verdade há bastante tempo, curti bastante.

[Heize ft. Giriboy – We Dont Talk Together]

Eu gosto da Heize e gosto dessa proposta R&B eletrônico chill. No entanto, acho que ela já soltou outros exemplares dessa mesma fórmula mais interessantes em seus 3 primeiros minis pós-Unpretty Rapstar. Ouvindo agora, parece mais do mesmo, embora não seja mau. Acho que preferia que ela tivesse continuado na crescente uptempo que ela vinha seguindo do final do ano passado até o álbum anterior.

[Nature – I’m So Pretty]

Não lembro dessas meninas aí. É debut ou comeback? De qualquer forma, curti o lançamento. O single respira verão naquela onda Girl’s Day retrô em “Darling”, ou como se fossem um Sistar com interpretação mais adocicada. A key change synthpop na bridge é bem inusitada.

[PURPLEBECK – Crystal Ball]

Essas eu também não conheço não. A música também segue a proposta retrô-e-vibrante que o Nature apostou mais acima, com um resultado também bastante interessante. Gosto muito do refrão e dos gritos aleatórios que surgem sem qualquer necessidade. Quase um Red Velvet de baixa renda.

[Ava Max ft. NCT 127 – So Am I]

Ava Max é aquela cantora rookie que as pessoas falam que imita a Lady Gaga, embora as músicas se assemelhem mais com o que Max Martin/Doctor Luke/Bonnie McKee faziam pra Katy Perry e outros acts em início de carreira, certo? Não entendi muito a participação do NCT 127 nessa regravação dum single que ela já tinha trabalhado antes, visto eles quase não receberem linhas. Meio sem sentido e avulso. E como a faixa por si só não é lá essas coisas, ouvir acabou sendo tempo perdido.

[Baekhyun – UN Village]

Mas esse ex da Taeyeon tem o carisma de um nabo, hein? Não achei que segura, vocalmente e em vídeo, um solo não. A música até é legal, numa tentativa de R&B-Justin-Timberlake mais sensual, mas falta algo, falta that thing que desperte vontade de ouvir mais vezes.

[SoRi – I Am Not Alone]

Isso aqui tá muito bom naquela linha de baladas-ultradramáticas-de-inverno. Uma pena para a SoRi que a Coreia do Sul está no verão. Li que essa pode ser a última tentativa dela como idol na indústria fonográfica, pois seus esforços como solista (e na época do CocoSori) não têm resultado em nada. Fica difícil acreditar que essa não é uma despedida, então, obrigado pelos bons serviços até aqui.

[Kaeun – Remember You]

Com Kaeun oficialmente fora da Pledis, o After School finalmente pode ser considerado como encerrado, não? Ahein, baladinha morna essa.

[Ailee – The Poem of Destiny]

OST da Ailee para alguma novelinha de época aí. Achei maravilhosa. O instrumental pesado, a aura mais densa e propositalmente teatral. É assim que uma power ballad deve ser. Take notes, resto do K-Pop.

[FEMM – Shibuya Ex Horologium]

Não sei se vocês lembram, mas o FEMM soltou ano passado um EP de demos que serviam de música de fundo para alguma instalação artística delas que ninguém deve ter visitado. Essa aqui é uma dessas várias canções, finalmente finalizada. Achei espetacular, louca, futuristinha, com todas as qualidades que esses synthpops japas estranhos devem carregar. Ficou faltando um MV, né. Libera a grana, avex.

[BABYMETAL ft. F.HERO – Pa Pa Ya!!]

Mais um single divertidíssimo do BABYMETAL, que vem numa boa fase desde que uma das pirralhas que ficam pulando e fazendo caretas fofinhas saiu do grupo (agora, foi substituída por uma ex-Morning Musume qualquer). Eu totalmente compro a bola desse kawaii metal quando é bem executado: no caso, recheado de momentos pop chicletes que fazem um caminho quase inverso ao instrumental pesadão. Não chega a ser candidata a SOTY como Elevator Girl é, mas tá legal ali num segundo escalão de melhores do ano.

[Fairies – Metropolis, Change My Life e Tell Me How You Feel]

Novo singleb-sides do Fairies, que deu uma sumida após alterarem a rotação do planeta Terra com a hecatômbica Hey Hey ~Light Me Up~. “Metropolis” foi a que mais gostei, com o tempo MUITO acelerado, como se fosse a trilha de fundo dum embate final boss em algum JRPG genérico, mas as outras duas não ficam tão atrás, com “Change My Life” parecendo um tema de anime futurista remixado para as pistas e “Tell Me How You Fell” em linha com os charts internacionais. Ótimo comeback.

[MAX – Parthenon]

Fechando a lista com as tias do MAX aproveitando a aposentadoria da arqui-inimiga Namie Amuro para retornarem ao jogo com um single bem, huh, “MAX” em sonoridade, clipe, interpretação exagerada e coreografia ridícula. Não tem como ser melhor não.

E aí, quais suas favoritas? Ficou faltando alguma coisa obscura do pop asiático? Comentem aí que eu incluo num próximo post.

6 comentários em “Raspa no tacho (13/07): GFriend, Heize, FEMM, MAX e outros trecos

  1. Jesus amado, quase tive um ataque epiléptico ouvindo essa do FEMM, que loucura, adorei.
    Eu infelizmente não consigo realmente gostar mais das músicas do Gfriend depois de Fingertip, acho que estou de luto pelo fracasso da músicas até hoje.
    Sobre a Heize, prefiro ficar com as músicas do álbum que ela desviou mais cedo esse ano, continuam bem mais interessantes que esse comeback,mas aí, pelo menos ela tá indo bem nos charts né, parabéns pra ela, ela merece.
    Eu adorei essa música nova do Nature, o refrão tá tão gostosinho, bem divertida, bem verão, e não é exagerada, curti bastante.

    Curtido por 1 pessoa

  2. “Não lembro dessas meninas aí. É debut ou comeback?”

    Segundo comeback, mas elas são tão flopadas que pouca gente deve lembrar dos singles anteriores delas. Eu mesmo lembro do Nature menos pelas músicas e mais pelas histórias, como a agência delas já anunciando no lançamento do grupo que ia ter três trios como sub-units, pra dias após o debut uma das moças sair do grupo e cagar todo o planejamento… ou quando elas foram num programa de variedades e na hora de mostrar as artes enviadas pelos fãs, a produção botou por engano as artes enviadas pelos fãs do LOONA (que foi lá dias depois) e elas ficaram com cara de paisagem. E mesmo sendo tão flopadas, conseguiram ter mais votos que o LOONA pra categoria de Girlgroup Novo no MAMA (sim, o LOONA ficou em último)…

    Sobre o Babymetal, li que a vaga da guria que saiu tá sendo preenchida rotativamente por três idols avulsas (ou seja, num show uma aparece, em outro show é outra, e segue). Considerando que a guria que saiu e a outra coadjuvante que ficou só dão uns gritinhos que não somam dez segundos por música, faria mais sentido oficializar as três novatas de uma vez (deixando elas como um quinteto onde só uma canta), ou a Su-metal chutar a outra fora do grupo e transformar o Babymetal numa banda de rock com ela como vocalista.

    Curtir

      1. Verdade. Então a melhor solução seria oficializar TODAS as substitutas rotativas e transformar o Babymetal de um pseudo-trio para um pseudo-quinteto.

        O único ponto negativo seria a dor nas costas que a Su-metal teria por carregar as coleguinhas sem talento. Mas nada que a rainha do metal mundial não dê conta.

        Curtir

  3. Sobre o NATURE: esse já o terceiro comeback delas, mas só um single tinha prestado até agora. Elas parecem ter uma coisa meio lado red (farofinhas maravilhosas) e lado “velvet” (aegyo insosso). A ‘You Be Mine’ lançada no ano passado também é bem boa.

    Sobre o ex da Taeyeon: ele é muito viado (♥) para ficar tentando pagar de macho-sexy-conceitual. Acho até que essa historinha de namoro foi fake, pra que ninguém desconfiasse da sexualidade dele.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s