Descontentes com a falta do que fazer, meninas do Loona tentam a vida como pintoras

Certa vez, minha vizinha, Scheylla, estava reclamando por ter sido demitida do emprego em que ela depositou anos e anos de sua vida. A pobrezinha entrou em tal empresa como estagiária, logo após se formar num curso técnico de datilografia, e se viu desolada quando os patrões perceberam que já não fabricavam mais máquinas de escrever e que as pessoas, hoje em dia, utilizavam computadores. E nessa, Scheylla teve sua principal fonte de renda e ocupação diária retirada, sem mais nem menos.

Mas é aquele ensinamento de Beyoncé que ficou em nossas cabeças: se a vida lhe dá limões, faça um álbum visual inteiro embasado numa suposta traição de seu marido, conseguindo milhões nessa empreitada. Scheylla aproveitou essa oportunidade e, num espasmo de loucura, incendiou todo o prédio onde trabalhava. Não tinha ninguém lá dentro e logo logo ela sairá da cadeira, não se preocupem. Mas sempre penso que Scheylla poderia ter feito algo melhor com seu tempo em vez de exercer tais pretensões à pirotecnia. Vejam só as meninas do Loona, por exemplo. Sem quase lançamentos em seu catálogo esse ano, com bastante espaço em sua agenda e sem muitas pretensões futuras, resolveram tentar a vida como artistas plásticas recentemente. Confiram um teaser de sua primeira exposição:

Diria que tudo isso e não menos que emocionante. Ficaram curiosos a respeito das telas pintadas por cada uma das nossas futuras Tarcilas do Amaral? Todas elas já estão disponíveis online. Analisemos pela ordem de debut

HeeJin acredita que a arte é algo que deve ser expressado através de seus instintos mais animalescos. Então, tal como a gorila daquela novela das sete que fazia fortuna para Marcos Pasquim, a center do grupo resolveu jogar tinta na tela e vê-la escorrendo em sua naturalidade.

HyunJin já acredita que a arte é algo que mais tem a ver com encontrar-se com sua infantilidade, de modo a pescar toda a primazia da época onde nossas cabeças eram envoltas em inocência e não poluídas pelo mundo ao redor. Então, imitando uma criança do primário que se acha o orgulho da sala, a lindinha desenhou um sol vermelho num fundo preto, pois traços mais elaborados não expressariam corretamente o que esse período da vida representa ao povo.

A cantora lírica aposentada HaSeul decidiu expressar o seu apoio à comunidade LGBTQ+, pintando um arco-íris em 12 tonalidades diferentes para atingir os diversos tipos de sexualidade listados no tumblr. E essa não é a única bandeira da talentosa rejeitada por YG. Fitando causas ambientais, a hitmaker natalina expressou sua insatisfação para com o desmatamento mundial através de diversos trevos descoloridos, com sua clorofila toda sendo colocada nas mãos dos homens (por isso a palma verde nada aleatória preenchendo espaço vazio). Isso se chama arte-protesto. Taylor Swift e Sunmi também são praticantes.

Num primeiro momento, podemos achar que a tela da Pirralha do Sapo retrata paredes de clubes estudantis de faculdades de humanas, com vários garranchos coloridos sem muito propósitos distribuídos num espaço aleatório.

ViVi aqui, na mesma linha seguida por HyunJin, resolveu rememorar os tempos de arte infantil. No entanto, utilizando uma paleta maior de cores. Arte.

Kim Beiçola faz o que nomeamos “arte da insatisfação”. Insatisfeita com o rumo que sua carreira de solista tomou e com a falta de lançamentos de seus dois grupos, sendo obrigada a produzir em uma tarde inteira aguentando a companhia de Chuu e outras meninas de menor importância, a dona do hit “Twilight (Prod. by Cha Cha Malone)” abusou propositalmente da simplicidade para evidenciar o desleixo da BBC aos olhos de transeuntes. O que temos aqui, meus caros, é uma “disstela”.

Huh, isso aqui esta genuinamente bonito. Parabéns, JinSoul. Diferente do que sua coloração capilar acusou nos últimos anos, você sabe mesmo mexer com tintas.

Choerry também resolveu caprichar. Está a nível do estudantes de 9, 8 anos fazem na escola. Continue assim.

Yves é praticante da sexual art. Por isso, pintou uma tia florescendo tantas vezes e com um pinto no lugar do nariz. Cult.

Chuu já vai por um caminho mais popart. Seu empenho está em utilizar elementos do cotidiano como inspiração. Isso na tela não é uma esfirra, sim a representação de uma esfirra.

GoWon quer que alguém cuide dos arbustos dela.

HUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAUAHUAHUA. Porra, Olivia, pelo menos finge…

Piadas à parte, 365 é uma balada bonitinha, cuja letra deve emocionar os fãs mais sedentos por lançamentos do grupo. No entanto, não é como se, instrumentalmente, ela tivesse qualquer coisa que a diferenciasse de outras trinta e sete parecidas que saem dentro do cenário sul-coreano semanalmente. Bacana que pegou #1 nos Itunes de diferentes países, mas isso soa mais como desespero coletivo da fanbase em ver a continuidade do grupo que predileção pela música em si. Fuen.

10 comentários em “Descontentes com a falta do que fazer, meninas do Loona tentam a vida como pintoras

    1. Mas gente… ela também não é minha favorita (talvez por ser a idol mais convencional num grupo nada convencional), mas a guria é praticamente a cantora principal, dançarina principal e rostinho bonito do LOONA. Alguma coisa ela tem que significar.

      Curtido por 1 pessoa

  1. Caramba, então elas REALMENTE pintaram quadros? Eu tinha certeza que elas só estavam atuando naquele teaser…

    Falando em teaser, viu que um dia depois de 365 elas já lançaram um vídeo teaser novo? A gente já sabia que essa música era só um tapa-buraco enquanto o comeback de verdade não vinha, mas achava que eles iam demorar mais pra começar a criar hype em cima do comeback propriamente dito… e aparentemente, mesmo com a saída do Jaden Jeong, a BBC continua apostando nas teorias do loonaverso (se eles vão conseguir manter a COERÊNCIA nelas, já é outra história).

    Curtir

      1. Ah sim, nem falei pra você escrever sobre o teaser aqui no blog, era só pra saber se tinha visto mesmo (até porque acho que nem vale a pena fazer um texto sobre apenas um teaser).

        Mas a piada do #1 não é ruim. Irônico como o LOONA consegue #1s a rodo fora da Coreia, mas lá mesmo que importa mais, as músicas não conseguem nem entrar nos charts…

        Curtir

  2. Olivia claramente eu quando ganhava guache pintando a caralha pra alguém elogiar no final. Agora que você falou eu não vou parar de olhar um pênis no nariz da moça Yves

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s