PLAYLIST: maio de 2022

Maio foi um mês fraquíssimo para o pop asiático. Poucos comebacks realmente valeram o esforço no K-Pop, enquanto o J-Pop pareceu viver uma entressafra de artistas. Talvez se eu tivesse escutado o álbum best of da BoA as coisas tivessem sido diferentes…

01. LE SSEFARIM – FEARLESS: Espero que o rolê todo do suposto bullying que uma das integrantes fazia no colégio com alunos E PROFESSORES não tinha matado o hype das sserafinas, porque isso aqui foi um dos grandes destaques do ano pra mim até então (cabeça a cabeça com “Glitch” pelo título de SOTY).

02. BVNDIT – VENOM: Eu tinha até esquecido que esse grupo-que-era-pra-chunga-ter-debutado existia, mas olha só elas fora do porão com um pancadão de boate para a gente rebolar o popozão. Me senti em 2012 com essa.

03. LOONA – POSE: O Loona não viu muitos bons frutos de sua participação no Queendom, e “Pose” nem é o grande single destruidor de vidas que a fanbase esperava delas, mas ainda me agrada como uma farofa. O drop do refrão é ótimo. E geralmente drops de refrães são péssimos!

04. WEDNESDAY CAMPANELLA – HIMIKO: Saiu o álbum da nova formação do Wednesday Campanella. A maioria das faixas já eram conhecidas de singles que o trio soltou do ano passado pra cá, mas uma das maiores joias eles guardaram pra usar como title. É bem… Skrillex. Eu gosto de Skrillex, então adorei.

05. LE SSERAFIM – THE GREAT MERMAID: O “Fearless” é um mini de debut EXCELENTE. Todas as músicas nele vendem bem o estilo que o grupo parece querer passar. Dentre elas, uma das que mais gostei foi essa da sereia, que entrega uma mescla de dance de boate com synthpops dos anos 80.

06. MINSEO – #SELFTRIP: Impressionado com alguém ainda usando hashtags como parte de títulos de músicas. Achei que a Mariah Carey tivesse tirado qualquer traço de juventude nisso lá atrás. Btw, legal de mais isso aqui. É tipo aquela faixa do Clean Bandit com a Demi Lovato sobre siririca, só que com um vocal mais gostoso de ouvir.

07. BRAVE GIRLS – WHISTLE: Acho que as que se deram melhor nessa rodada final do Queendom foram as Brave Girls. Tudo bem que “Whistle” é elas tentando recapturar pela terceira ou quarta vez o raio de “Lollin'” na garrafa, mas isso realmente importa?

08. LE SSERAFIM – BLUE FLAME: Sim, mais uma das serafinas, porque esse mini foi realmente ótimo. Uma monte de gente já soltou esses pops funkeados nos últimos meses, mas elas serviram gostosinho o tipo de charme que releases assim necessitam. Por favor, HYBE, não mata o LE SSERAFIM igual vocês mataram o GLAM!

09. ASTRO – CANDY SUGAR POP: Segundo relatos que carecem de apuração, Wendell Gosto Meu teve seis orgasmos seguidos ouvindo essa aqui.

10. IKON – BUT YOU: Ainda acho o iKON sem B.I derivativo demais, já que as demais vozes que não são as do Bobby são muito parecidas entre si, mas “But You” é uma música tão ótima que eu passo despercebido desse tipo de bobagem.

Enfim, foi  isso aí desse mês. Yup, caguei pro single da Hyoyeon.

Quais foram as prediletas de vocês? Eu fico com “Fearless” e “But You”.

4 comentários em “PLAYLIST: maio de 2022

  1. “do suposto bullying que uma das integrantes fazia no colégio com alunos E PROFESSORES”

    Caramba, até com professores? Essa história só piora…

    No mais, também adorei a música das Brave Girls, mas nem acho que seja uma tentativa de recapturar “Rollin'”; achei essa “Whistle” mais moderninha, enquanto “Rollin'” tem uma vibe total de tiazona. Mas as duas são ótimas músicas de verão – o que traz a questão: seriam as Brave Girls as sucessoras naturais do Sistar?

    Curtir

  2. O mini do Le Sserafim é ótimo, e para ser bem honesta, não acho que a mina do suposto bullying fez tanta falta assim. Parece que a HYBE já estava calculando que isso ia dar ruim e não deixou nada que não pudesse ser facilmente coberto pelas demais integrantes para a tal menina. Até a coreografia encaixou melhor com 5 ao invés de 6…

    Esse mês foi tão fraquinho que não liguei para mais nada do que foi lançado, eu hein.

    Curtir

  3. O youtube vivia me recomendando Venom, como não conhecia o grupo ignorava até o dia que decidi clicar. Puts amei nas primeiras batidas, inclusive fico voltando para o inicio só para ouvir essas batidas iniciais, muito gostosa.

    Também concordo que a melhor faixa de Himiko seja Himiko.

    Uma faixa que tenho escutado bastante é M87 do Kenshi Yonezu, OST do filme Shin Ultraman.

    Curtir

Deixe uma resposta para Brave Sound Drop It Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s