Dynamite: Aleluia! O BTS finalmente lançou uma música boa!

BTS na imagem promocional de DYNAMITE

*BOOOOOOOOOOOOOOOM*

O BTS é o maior act de K-Pop da atualidade, com o maior alcance internacional (em público e relevância no cenário artísico), maior fama entre pessoas de fora da fanbase e por aí vai. Isso posto, Rap Monster e os outros, já há bastante tempo, vinham vacilando em seu repertório, com músicas que variavam entre “apenas ok” (exemplo aqui) e ofensivamente ruins (exemplo acá). Com o imenso sucesso de seus releases em 2015, naquilo de “passarem uma mensagem” nas músicas e MVs, o grupo caiu numa armadilha esquisita, alimentada por seus fãs, onde o “conceito” valia mais que seus faixas efetivamente. Fanfic demais para entretenimento de menos.

Mas isso acaba sendo pouco discutido de verdade fora da bolha, acredito que por dois motivos: 1) as pessoas ainda acham que sucesso fonográfico é igual a qualidade artística, com questionamentos sendo limados em prol de uma aceitação social e a oportunidade de angariar alguns views em reacts, ou likes em tuítes exagerados (ou vocês acham mesmo que esses artistas da Globo ouvem BTS?); e 2) falta de paciência para aturar o hate desmedido das army, que levariam para o pessoal quaisquer opiniões diferentes que achar os comebacks as próprias reinvenções da roda.

Então, é até surpreendente que, a essa altura do campeonato, o BTS tenha se prestado a apostar numa música realmente legal de ouvir. E legal de ouvir por ela mesma, não pela interpretação por trás, não pela possibilidade de construir narrativas complicadas em takes de 2 segundos no MV, não pela gloriosa mensagem inspiradora. Dynamite é extremamente despretensiosa, voltada para as pistas de dança e sem toda aquela chatice de motivacional de butique “artística” que só cola com que tem de 16 anos pra baixo.

Pra mim, já é a melhor deles desde… 2015? É, acho que sim. E digo isso genuinamente curtindo DNA, que saiu nesse meio tempo. Mas também não exagerem. Não é porque a faixa é legalzinha pros padrões do BTS-fora-da-fanbase-apaixonada que chega a ser uma candidata à SOTY (como vi uns influencers de capope famosinhos gritando no Twitter mais cedo). Mesmo nessa linha neo disco divertidinha, outros acts já soltaram trecos melhores, como o EXO-SC em 1 Billion Views (essa sim, uma grande concorrente ao top 10 de 2020).

“Dynamite” é muito bacana, divertida, gostosa de ouvir casualmente e passa longe de todos os defeitos terríveis que as músicas do BTS costumam explorar. Um marco no catálogo do grupo, que, ao menos por um comeback, decidiu não se levar tão a sério e acertou em cheio no que a galera fora das army (que qualificariam como ARTE até uma porção de berros por cima da mensagem de um líder ocultista assassino) gostaria de escutar sem precisar fingir.

Mal posso esperar pela versão em inglês.

Sigam o Miojo Pop em sua nova conta de Twitter: @MiojoPop.

21 comentários em “Dynamite: Aleluia! O BTS finalmente lançou uma música boa!

  1. Eu acompanho kpop só pelos blogs fundos de quintal e acabei de sair do GostoMeu pensando se só eu tinha achado essa música gostosinha para os padrões do BTS, que a última que eu curti de primeira foi Blond Sweat and Tears há muitos anos. Super isso mesmo, genérica, dançante, sem inventar a roda, para dançar na hora de arrumar a cozinha.

    Curtir

    1. Nossa, concordo em gênero, número e grau! Desde BS&T o BTS não lançava alguma coisa que não precisasse ouvir mais de uma vez para me conquistar… Por mais que BWL fosse ok, ela era tão genérica que qualquer grupo poderia ter lançado, e não tinha essa “aura” de BTS como BS&T e Dynamite têm!

      Curtir

      1. De primeira não curti muito não, mas após essa fase de hits 2015-2016 (<3) acho que só DNA ainda e Go Go se sustentou por uma tempo na minha playlist, agora depois de Fake Love só foi ladeira abaixo haha

        Curtir

  2. A música é até legal, problema que tem um ou dois ali que tão com uma voz de chaleira apitando fudida, eu que tolero as vozes de Momo e Sana no Twice não tô aguentando

    Curtir

  3. Feliz em saber que realizaram um sonho meu em relação ao repertório deles antes de irem pro exército: uma música com ares de Sweetune. E vamos aproveitar esse single, já que a gente sabe que o próximo comeback vai ser conceitual E ruim.

    P.S.: O deboche no final do post, HAHAHAHAHAHAHAHA!

    Curtir

  4. eu genuinamente curti. o lado pop deles >>>>> essa trapagem toda que lançaram no início do ano (pelo menos a b-side moon compensou sendo maravilhosa)

    aliás, os irmãozinhos deles lançaram uma música em japonês pra servir de trilha sonora pra algum anime aí que tá muito boa.. ouço sem parar

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s