Raspa no tacho (26/09): ITZY, Mamamoo, BTS de feat. do Coldplay e mais

Enfim terminei um trabalho da faculdade que estava me tomando muito tempo nas últimas semanas. Vamos comemorar comentando os trecos de alto e baixo escalão que saíram recentemente…

Continuar lendo “Raspa no tacho (26/09): ITZY, Mamamoo, BTS de feat. do Coldplay e mais”

TOP 100 | As melhores músicas do asian pop em 2015 [40-26]

E enfim chegamos à trinca final de posts. O que quer dizer que, daqui em diante, todas as faixas realmente fizeram algum barulho em minhas playlists, a ponto de, em dados momentos, serem consideradas para o top 10. Mas a vida não é perfeita para todos, então tais delicinhas acabaram barradas da festa um pouco mais cedo.

Sem mais delongas, vamos lá…

Continuar lendo “TOP 100 | As melhores músicas do asian pop em 2015 [40-26]”

TOP 100 | As melhores músicas do asian pop em 2015 [70-56]

Terceira parte do grande listão rememorando o que de melhor saiu no melhor ano da última década para o pop asiático. Nessa, mais 15 grandes pancadões serão cortados para vocês reclamarem que as músicas lá do post de esquecidas no churrasco são melhores que as que eu escolhi (e eu rir bastante da cara de vocês chocados por isso).

Entre as escolhidas da vez, vamos com a icônica canção que acidentalmente (pffff) ocupa a posição #69 do ranking, além da melhor animesong de 2015 e da que ganha a versão coreana do Troféu CL de Melhor Música Ruim (pois a melhor música ruim japa tá beirando o top 10, risos). Ah, uma curiosidade: essa melhor pior música, na verdade, foi a que chutou o T-ara desse top, pois eu quase esqueço de incluir ela. Uhhhh, qual será?

Continuar lendo “TOP 100 | As melhores músicas do asian pop em 2015 [70-56]”

BTS tá aí de novo com “Permission to Dance”

Após o grande sucesso que foi a ótima Butter (pra mim, a melhor faixa deles em MUITO tempo), BTS está de volta em mais um single para esticar sua influência no mercado fonográfico norte-americano. Permission to Dance tem a letra assinada pelo Ed Sheeran, me parece ter um sample de I Wanna Dance With Somebody da Whitney Huston no refrão e certamente venderá como água em todo lugar.

Ouçam:

Continuar lendo “BTS tá aí de novo com “Permission to Dance””

Time Machine: quando o BTS, enfim, estourou em “I Need U” e “Run” (2015)

O BTS hoje em dia é o act coreano mais famoso do mundo, mas a história não foi sempre essa. Vindos de uma gravadora pequena no cenário do K-Pop, Suga, Rap Monster e os demais tinham um desempenho bem morno nos charts em seus dois primeiros anos pós-debut. Há uma parcela de fãs que prefere omitir as vendas fracas e os peaks ruins entre 2013 e 2014, talvez em busca de um messianismo maluco incompreensível. Há outra parcela, aí mais coerente, que comenta com orgulho esses primeiros percalços, de modo a destacar eles como azarões da indústria, que conseguiram se sobressair mesmo não vindo de uma Big3.

De minha parte, acho que a melhor coisa que temos a dizer do breakthrough do BTS é… a música dele mesmo. I Need U ainda é um dos melhores troços desovados pelo grupo em todos os tempos, sendo um caso (raro) de o público geral começar a abraçar um act quando ele vem com o seu melhor (e não com o pior).

Continuar lendo “Time Machine: quando o BTS, enfim, estourou em “I Need U” e “Run” (2015)”