50% de 2021: As 10 melhores músicas do primeiro semestre!

E lá se foi mais um semestre. O que, em tempos de pandemia e isolamento social (ao menos da minha parte, que trabalho e estudo em casa), segue me despertando aquela sensação de que seguimos no começo de 2020 e o ano ainda não engrenou. Gostaria de aproveitar esse parágrafo para mandar o Bolsonaro e todos os bolsominios pra puta que pariu. Aquele arrombado maldito. Os outros países tudo vacinando tudo, voltando com shows, cinema e por aí vai, aí esse filho da puta segue insistindo na narrativa maluca de que ele se curou da COVID tomando a porra da caralha da hidroxocloroquina. Ah, meu pau de boné pra esse desgraçado!

Mas, uou, voltemos ao asian pop! No ano passado, eu fiz esse post elencando quais as melhores faixas que tinham saído durante a primeira metade de 2020, meio que servindo como um termômetro para a minha opinião até aquele momento (aí chegou em dezembro e o top 10 tava quase todo diferente, pois a vida é assim), que decidi repetir agora. Listas são sempre divertidas, então convido vocês a elencarem também suas prediletas nesse último semestre.

Diferente do ano passado, que acabei considerando só músicas que eu já estava escutando há algum tempo, que já haviam “maturado” na minha cabeça, em 2021 eu estou mais passional e joguei aqui umas quatro que saíram esse mês mesmo, pois elas estão fazendo minha cabeça e detonando toda a concorrência interna. E outra novidade é que nenhum girlgroup coreano sobreviveu ao corte, enquanto três boygroups estão entre as mais melhores de boas. Uma representante do MandoPop, 4 do K-Pop e 5 do J-Pop. Será que sua fave aparecerá? Bom, não se for a Utada Hikaru, pois eu fiquei tão puto com “Pink Blood” que tirei “One Last Kiss” da lista só de pirraça…

Continuar lendo “50% de 2021: As 10 melhores músicas do primeiro semestre!”

PLAYLIST (Janeiro’21) 🍜

Janeiro (já) se foi e, com isso, já temos em mãos o primeiro mês do ano de 2021 para o pop asiático. Quem já é velho de guerra aqui sabe o que isso significa no calendário aqui do blog, mas para quem chegou no Miojo Pop a partir do boost de público que o top 2020 trouxe, explicarei.

Tenho por hábito manter uma playlist com as faixas de K-Pop, J-Pop, etc. que mais vou gostando ao longo dos respectivos anos, que sempre deixo embedada ali na barra lateral direita, que é atualizada, geralmente, no começo de cada mês, compilando as melhores soltas nas quatro semanas anteriores. Vocês podem seguir ela no Spotify para ir acompanhando esses updates em primeira mão, que, quase sempre, são comentados faixa a faixa por aqui.

O maior critério é… eu ter gostado muito das músicas. Tal como os rankings de melhores do ano, não vejo a menor necessidade de ser inclusivo, “dar chances” ou algo do tipo. O que entra é o que eu vou escutando com mais afinco e ponto. E nesse comecinho de ano, foram vinte e duas as selecionadas, sendo que uma delas (ó eu já quebrando minhas próprias regras) é do finalzinho de 2020, que meio que caguei à época, mas se tornou um grande vício nos últimos tempos. Elas não estão bem em ordem de preferência, mas sim posicionadas na tracklist pelo tipo de “vibe” que me proporcionam.

Será que a sua favorita aparecerá? Bom, não ser for a Yubin… :V

Continuar lendo “PLAYLIST (Janeiro’21) 🍜”

Raspa no tacho (17/01): Yubin, Treasure, AleXa-russa-musculosa e mais

Toda semana, uma porção de trecos saem e, por algum motivo, como falta de relevância para encher um post inteiro, ou falta de tempo deste que vos escreve, acabam não dando às caras aqui quando deveriam. Juntem isso tudo num lugar só e, plim, temos a raspa no tacho.

Continuar lendo “Raspa no tacho (17/01): Yubin, Treasure, AleXa-russa-musculosa e mais”