AKMU, “Hey kid, Close your eyes”, o indie da minha adolescência e músicas que ficam para a vida

Dando continuidade àquela ideia de ir resgatando os maiores bops-ainda-não-comentados desse ano, vamos com o que, talvez, esteja despontando como uma candidata fortíssima ao título de SOTY aqui no blog: Hey kid, Close your eyes, do AKMU

Continuar lendo “AKMU, “Hey kid, Close your eyes”, o indie da minha adolescência e músicas que ficam para a vida”

PLAYLIST (Julho + Agosto’21) 🍜

Oi. Vamos lá…
Continuar lendo “PLAYLIST (Julho + Agosto’21) 🍜”

NAKKA: IU leva AKMU pro mau caminho e eles lançam sua melhor música em tempos

O AKMU sempre foi um act meio confuso na minha cabeça. Tenho total noção de que eles são bem talentosos e de que eles frequentemente lançam músicas acima da média dentro do nicho de público a que eles se propõem, mas quando chega a hora de ouvir OUVIR mesmo eu não tenho tanta paciência. O repertório deles é repleto de exemplares “será que agora vai?”, onde acho um single muito legal na estreia, mas esqueço que existe duas semanas depois.

Então, quando eles anunciaram um novo álbum, mas feito inteiramente de duetos com outros artistas, minha reação foi bastante morna. Tanto que demorei um tempão para dar play. Só que, agora, estou arrependido, achando que deveria ter feito isso antes, pois esse é o lançamento mais legal da dupla em tempos – embora seja o “menos AKMU” em comparação, mas já falo disso.

Antes, escutem a mais nova candidata a SOTY, NAKKA, feat. com a IU

Continuar lendo “NAKKA: IU leva AKMU pro mau caminho e eles lançam sua melhor música em tempos”