PLAYLIST (Janeiro’21) 🍜

Janeiro (já) se foi e, com isso, já temos em mãos o primeiro mês do ano de 2021 para o pop asiático. Quem já é velho de guerra aqui sabe o que isso significa no calendário aqui do blog, mas para quem chegou no Miojo Pop a partir do boost de público que o top 2020 trouxe, explicarei.

Tenho por hábito manter uma playlist com as faixas de K-Pop, J-Pop, etc. que mais vou gostando ao longo dos respectivos anos, que sempre deixo embedada ali na barra lateral direita, que é atualizada, geralmente, no começo de cada mês, compilando as melhores soltas nas quatro semanas anteriores. Vocês podem seguir ela no Spotify para ir acompanhando esses updates em primeira mão, que, quase sempre, são comentados faixa a faixa por aqui.

O maior critério é… eu ter gostado muito das músicas. Tal como os rankings de melhores do ano, não vejo a menor necessidade de ser inclusivo, “dar chances” ou algo do tipo. O que entra é o que eu vou escutando com mais afinco e ponto. E nesse comecinho de ano, foram vinte e duas as selecionadas, sendo que uma delas (ó eu já quebrando minhas próprias regras) é do finalzinho de 2020, que meio que caguei à época, mas se tornou um grande vício nos últimos tempos. Elas não estão bem em ordem de preferência, mas sim posicionadas na tracklist pelo tipo de “vibe” que me proporcionam.

Será que a sua favorita aparecerá? Bom, não ser for a Yubin… :V

Continuar lendo “PLAYLIST (Janeiro’21) 🍜”

Raspa no tacho (31/01): Dreamcatcher, IZ*ONE, Kyary Pamyu Pamyu, iKON (o Bobby, no caso) e mais

Toda semana, uma porção de trecos saem e, por algum motivo, como falta de relevância para encher um post inteiro, ou falta de tempo deste que vos escreve, acabam não dando às caras aqui quando deveriam. Juntem isso tudo num lugar só e, plim, temos a raspa no tacho (a última do mês de janeiro, uhul).

Continuar lendo “Raspa no tacho (31/01): Dreamcatcher, IZ*ONE, Kyary Pamyu Pamyu, iKON (o Bobby, no caso) e mais”

Pacotão Jennie: Park Bom, Anda, Sunmi e outros acts going solo-lo-lo-lo-lo-lo-lo no K-Pop até abril

Terceiro resumão de comeback aqui do blog. Dessa vez, dando pitacos sobre os lançamentos de solistas que rolaram nos últimos meses. Algumas coisas bem legais, outras nem tanto. Não enrolarei tanto na introdução dessa vez, pois tenho vários episódios de “O Aprendiz” para colocar em dia no YouTube.

Será que o PC Siqueira ainda vai durar muito? Geralmente, nesses reality shows com subcelebridades, as mais famosas costumam sair logo no início (vide Scheila Carvalho em uma temporada qualquer da Fazenda sendo eliminada logo no início para a filha sem carisma da Monique Evans, wtf).

Continuar lendo “Pacotão Jennie: Park Bom, Anda, Sunmi e outros acts going solo-lo-lo-lo-lo-lo-lo no K-Pop até abril”